Personalização

Acessibilidade

Idioma do site

Memorial da Resistência integra a campanha #MuseusPelaVida

Foto: Marcelo Vigneron

O Memorial da Resistência de São Paulo, junto de outros museus espalhados pelo país, reuniu-se com o ICOM Brasil (Conselho Internacional de Museus) na campanha #MuseusPelaVida. A mobilização tem como princípio defender a prevenção e imunização contra a covid-19, com o intuito de disseminar informações científicas e factuais sobre o vírus.

Com mais de 463 mil mortos pelo coronavírus, a atual realidade tem traços similares ao período ditatorial. Associamos o passado ao presente com a história da Vala de Perus, um dos lugares de memória pertencentes ao nosso acervo. Estima-se que dentre as 1.049 ossadas descobertas nesta vala clandestina usada para esconder as vítimas da repressão ditatorial, também estejam parte das pessoas mortas pela epidemia de meningite que acometeu a cidade de São Paulo na década de 1970.

A divulgação de informações sobre essa epidemia foi censurada e sua existência negada pelo regime autoritário. A omissão e o despreparo para enfrentar a crise sanitária levou ao avanço da doença pelo país, vitimando sobretudo crianças menores de cinco anos.

O caso emblemático nos faz lembrar a relevância da transparência e como o acesso à informação é essencial para enfrentar a pandemia. Em tempos de adversidade, como o atual, lembramos a importância da imprensa livre para combater as fake news e reforçamos a necessidade de compromisso e responsabilidade das instituições com a população brasileira para a preservação da vida.

Memorial Temporariamente Fechado

Seguindo as orientações do Plano São Paulo de combate à pandemia, o Memorial está fechado para atividades presenciais até que seja autorizado o seu funcionamento. O Memorial continua realizando atividades de maneira virtual! Para não perder nada da nossa programação online acompanhe nossos canais de comunicação.

Esperamos ver todos em breve!