Personalização

Acessibilidade

Idioma do site

Fotografia aérea em preto e branco um pouco apagada pelo tempo. Retrata cinco galpões grandes, a sede administrativa da fábrica e um pátio para trens, árvores ao fundo do terreno e as ruas e estradas de acesso ao local.
Vista aérea da Cobrasma em Osasco em 1948. Crédito: Coleção Particular José Luiz Alves de Oliveira. Centro de Documentação Histórica de Osasco - CDHO.
Fotografia aérea em preto e branco de terreno de fábrica. Muito amarelada pelo tempo. Retrata oito galpões, o pátio de trens, as ruas de acesso ao terreno, algumas árvores e, ao fundo, prédios e casas meio borrados pelo tempo.
Vista aérea da Cobrasma em Osasco na década de 1970. Crédito: Centro de Documentação Histórica de Osasco - CDHO.
Foto em preto e branco. Dez homens de terno e gravata andam em frente por um caminho de cimento num gramado. Ao fundo há um prédio de escritório de seis
Visita de autoridades civis à Fábrica da Cobrasma em 1971. Crédito: Joel Dipieri P. Barreto. Arquivo Público do Estado de São Paulo.
Foto em preto e branco. Muitos homens parados em frente a um galpão. Um trem à direita e homens sentados no teto. No galpão, acima, pode-se ler RASMA, o início da palavra é escondido por um prédio. À frente, parte de uma cerca de ferro com arame farpado
Greve de funcionários da Cobrasma em 1980. Crédito: Centro de Documentação Histórica de Osasco - CDHO.
Foto em preto e branco. Dois homens de frente com as mãos sobre a cabeça ao centro. Atrás deles há mais homens menos visíveis. Há policiais à direita. Um deles, de capacete, está à frente da foto, de costas. À direita há um homem de terno e chapéu.
Ação da polícia sob a Greve da Cobrasma de 1968. Crédito: Centro de Documentação Histórica de Osasco - CDHO.
: Foto em preto e branco. É noite. À direita e à frente há um camburão da polícia e um poste de iluminação atrás. Ao centro um grupo de policiais fardados.
Guardas em frente a empresa Lonaflex, durante a Greve de 1968 da Cobrasma. Crédito: Centro de Documentação Histórica de Osasco - CDHO.
Foto em preto e branco. Muitos policiais de capacete. Ao centro, atrás deles, uma carroça coberta com homens dentro. O primeiro deles está com o braço esquerdo levantado e a mão na cabeça. Ao fundo há um prédio e uma cerca viva.
Ação da polícia sob a Greve da Cobrasma de 1968. Crédito: Centro de Documentação Histórica de Osasco - CDHO.
Foto em preto e branco do interior de um galpão em construção. Mostra as vigas de sustentação no teto e nas paredes, janelas do lado esquerdo, alguns homens trabalhando, um monte de terra à frente e estruturas de cimento e madeira.
Interior da empresa Cobrasma quando da sua construção na década de 1940. Crédito: Centro de Documentação Histórica de Osasco - CDHO,
Fotografia colorida. Retrata vários homens segurando cartazes contra o fechamento da Cobrasma num ângulo de frente. Ao lado direito deles há um muro e, atrás dele, um trem e um galpão. Ao fundo um caminhão leva mais homens com cartazes.
Em situação ruim por vários anos, em meados da década de 1990, uma das maiores indústria de Osasco, a Cobrasma, fechou as portas em consequência da falta de investimento governamental no transporte ferroviário. Na imagem, manifestação contra o fechamento da Cobrasma em 1993. Crédito: Centro de Documentação Histórica de Osasco - CDHO.

Fábrica da Cobrasma

Memorial Temporariamente Fechado

Seguindo as orientações do Plano São Paulo de combate à pandemia, o Memorial está fechado para atividades presenciais até que seja autorizado o seu funcionamento. O Memorial continua realizando atividades de maneira virtual! Para não perder nada da nossa programação online acompanhe nossos canais de comunicação.

Esperamos ver todos em breve!